domingo, 20 de dezembro de 2009


Gostei dos resultados da árvore!

Natividade.

Quem sou eu?

Detalhe dos cabelos.

Adorei o resultado desta bonequinha... Ela foi batizada como a "Diana" do pastoril...
Nestes dois últimos meses de 2009 estive com a criatividade em alta! Olhando a quantidade de peças que conclui dá para ver os resultados: decoração de caixinhas em cores e tamanhos diversos, artesanato utilizando cabaças etc... Vai aqui uma pequena amostragem...

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

sábado, 12 de dezembro de 2009


Uma bruxinha sapeca!

Esta aqui ganhou uma bruxinha na tampa...

Mais uma caixinha...

Dom Ratito se escondeu num pé de tênis...

Uma caixinha porta-panetone!

Detalhe do Menino Jesus...

A Sagrada Família!
Ganhei estas pequeninas cabaças e logo me veio a idéia de modelar a Sagrada Família... Curti bastante o resultado e logo organizei um cantinho da minha casa para acolhê-los, nesta época tão plena de significados...

Detalhe de São Francisco... As pombinhas foram modeladas em biscuit.

Adoro trabalhar utilizando cabaças ( porongas). Logo que vejo uma delas, a imaginação voa livre e solta, criando novas possibilidades para transformá-la... Esta aqui, logo que a vi bem reconchuda, surgiu a figura de São Francisco bem bonachão...

domingo, 22 de novembro de 2009


Minha primeira cozinheira...

Um chinês muito Zen...

A "filhota" também é vaidosa e adora exibir suas longas tranças.

Olha só que galinha mais vaidosa!

São Francisco em cabaça.

São Francisco com uma carinha feliz!

Esta amorosa gordinha foi presenteada e hoje "mora" em Campina Grande!

Esta aqui tem as pernas compridas e o cabelinho feito de tecido. Adorei o resultado! Eu a batizei d. Miluca !!!!

Uma orixá em cabaça! Esta é Iemanjá e ela está no meu terraço "olhando" para o local que mais gosta: o vasto oceano!
Aqui fiz uma composição com a metade de um coité - parte da saia. Aproveitei ainda, a metade de uma cabaça com pescoço para montar a cabeça. O rendado do vestido foi feito com massa plástica e os complementos com bico de rendinha e croché! No adorno da cabeça coloquei tule, pedrinhas e um pedacinho de uma máscara de carnaval.
Ela não ficou uma gracinha?

Uma bruxinha muito sapeca e que não mete medo em ninguém... Aliás, esta pecha de "bruxa malévola" nada mais é que a pura repetição de uma história, muitas vezes contadas, para desvirtuar o verdadeiro sentido das mulheres que há muitos séculos, como conhecedoras da natureza e portadoras de um ciclo interno lunar, sabiam (e sabem) interpretar os recados da natureza e identificavam as ervas que aliviavam e curaravam dores e sofrimentos.
Basta dar uma olhada nas publicações- resultados de pesquisas sobre o tema!
Como apropriadamente registrou Rita Lee " Nem toda feiticeira é corcunda... nem toda brasileira é só bunda"
Gosto de trabalhos com cabaças. Elas permitem grande variedade de criações - além de serem bastante decorativas. Esta aqui foi uma das minhas primeiras criações. Outras vieram e outras, com certeza virão.
Quando vejo um destes "presentes da natureza" logo fico a imaginar como transformá-los. É um processo prazeroso: olhar, imaginar, selecionar tintas e cores, manuseá-las e ver o "nascer" de novas criações.